Memória

Aos 80 anos, Igreja de Moema quer se tornar santuário

Paróquia solicitou título à Cúria Metropolitana e espera aprovação para este ano

Por: Helena Bertho - Atualizado em

Capela que deu origem a igreja de Moema
A primeira capela:a ampliação ocorreuainda em 1933 (Foto: Acervo Igreja de Nossa Senhora Aparecida de Moema)

Missas, queima de fogos e um show de Jair Rodrigues marcam neste sábado (12) os oitenta anos da Igreja Nossa Senhora Aparecida de Moema. Fundada em 6 de outubro de 1933 como uma capela, foi a segunda paróquia com o nome da santa a surgir no Estado, após a de Aparecida.

Igreja Nossa Senhora de Moema em 1949
O templo no dia davisita da cruz peregrina de Jerusalém, em 1949: a multidão viu a relíquia (Foto: Acervo Igreja de Nossa Senhora Aparecida de Moema)

 A construção, em estilo romano, tem várias colunas e, para permitir que os fiéis pudessem assistir à cerimônia mesmo sentados atrás dos pilares, em 2003 foram instalados ali televisores. Hoje, o sistema possibilita a transmissão das celebrações pela internet.

Recentemente, a paróquia solicitou o título de santuário à Cúria Metropolitana. “Deve ser aprovado até o fim do ano”, diz o padre responsável, Deolino Pedro Baldissera. Ele também está em campanha para que a futura estação do metrô na região seja batizada em homenagem à igreja. “Foi o ponto inicial do bairro”, justifica. “Já reunimos 4 000 assinaturas de moradores.”

Fonte: VEJA SÃO PAULO