Litoral

Cliente fica nua após ser barrada em porta giratória de banco

Indignada, a mulher discutiu com os seguranças e tirou a roupa para protestar no Guarujá; Banco do Brasil lamentou o ocorrido

Por: VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

mulher-bb
Cliente ficou nua por aproximadamente dez minutos antes de conseguir entrar na agência no Guarujá (Foto: Reprodução)

Revoltada após ser barrada pela porta giratória, uma cliente do Banco do Brasil ficou completamente nua por aproximadamente dez minutos para protestar em uma agência no Guarujá, no litoral de São Paulo. Registrado por algumas pessoas que estavam no local, o caso inusitado aconteceu nessa terça-feira (10).

Segundo testemunhas, os seguranças alegaram que a mulher poderia estava portando algum objeto de metal. Indignada, ela decidiu tirar toda a roupa. Muito nervosa, a cliente bateu com as mãos na porta giratória. Após nova discussão, a entrada dela foi liberada.

+ Três criminosos morrem durante assalto a supermercado na Zona Sul

O presidente do sindicato dos Bancários de Santos e Região, Ricardo Saraiva, o "Big", disse que o caso deve ser investigado pela polícia. “Só quem pode responder pelo fato é o banco. O que o sindicato pode dizer é que a porta giratória é importante para garantir a segurança dos funcionários e clientes.”

+ Confira as últimas notícias

Em nota, o Banco do Brasil lamentou o ocorrido. “A cliente recebeu os esclarecimentos necessários a respeito da situação e foi atendida por gerente da agência.” O banco informou ainda que cumpre as regras de segurança estabelecidas em lei e que os funcionários recebem treinamento para prestar atendimento respeitoso aos clientes.

Fonte: VEJA SÃO PAULO