Memória

Morre o dramaturgo Chico de Assis

Aos 81 anos, ele foi encontrado morto na noite deste sábado (3) em seu apartamento, nos Jardins

Por: Veja São Paulo

chico de assis
O dramaturgo será cremado na Vila Alpina na tarde deste domingo (4) (Foto: Reprodução/Facebook)

O dramaturgo e autor de telenovelas Chico de Assis foi encontrado morto na noite deste sábado (3) em seu apartamento, nos Jardins. Ele estava com 81 anos e a causa da morte ainda não foi informada. O corpo vem sendo velado desde a madrugada deste domingo (4), no Teatro de Arena, e às 15h segue para o Crematório da Vila Alpina.

Com sessenta anos de carreira e em plena atividade, o dramaturgo gravou recentemente o primeiro programa do Núcleo de Dramaturgia da TV Cultura, Persona em Foco, uma homenagem aos ícones do Teatro Brasileiro. Também foi homenageado com a publicação, em outubro, de seu repertório teatral, pela Funarte.

+ Zezé Di Camargo arruma nova polêmica nas redes sociais

Francisco de Assis Pereira, nasceu 10 de dezembro de 1933, em São Paulo. Começou sua carreira como câmera man na TV Tupi . Na emissora, estreou como dramaturgo, com uma adaptação da obra de Machado de Assis: Os Óculos de Pedro Antão. Ainda na Tupi, escreveu grandes sucessos dentre eles: Ovelha Negra, Xeque Mate e Cinderela 77, Salário Mínimo .

Foi autor também da primeira novela das 6 da Rede Globo Bicho do Mato, em 1972, que trazia como protagonistas Osmar Prado e Debora Duarte. Na TV Cultura, assinou O Coronel e o Lobisomem.

Chico de Assis foi um dos grandes nome do Teatro do Arena e fez parte da fundação do Seminário de Dramaturgia do Arena e do laboratório de interpretação.

Seu repertório teatral , recentemente editado pela Funarte, é composto de mais de 30 peças. São preciosidades que conquistaram a critica e o publico, dentre elas Missa Leiga, O testamento do Cangaceiro ; As aventuras de Ripió Lacraia e Xandu Quaresma, grande sucesso produzido e interpretado por Antonio Fagundes.

Em 2014 recebeu a condecoração da Ordem do Mérito Cultural do Brasil,pelo seu trabalho no teatro e no ensino da dramaturgia.

(Com Estadão Conteúdo)

Fonte: VEJA SÃO PAULO