Protesto

Manifestantes prometem bloquear trânsito na Zona Sul nesta sexta

A Estrada M'Boi Mirim é rota de linhas importantes de ônibus que ligam a região a toda a cidade

Por: João Batista Jr. - Atualizado em

Nova Palestina
Os manifestantes fazem parte da ocupação Nova Palestina (Foto: Foto: Ricardo D'Angelo)

Uma manifestação do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST) marcada para sexta (10) pretende bloquear a Estrada do M’Boi Mirim, na Zona Sul, nos dois sentidos. A via é rota de linhas importantes de ônibus que ligam a região a toda a cidade.

O grupo convocou para a ação os integrantes das 8 000 famílias que fazem parte da ocupação Nova Palestina, nas proximidades do local. Eles estão acampados ali com a reivindicação de que o terreno abrigue moradias populares, em vez de um parque público, como está nos planos da prefeitura. O  protesto é uma reação à declaração do prefeito Fernando Haddad de que o M’Boi Mirim precisa de um parque. O MTST defende que a moradia deveria ser prioridade.

O protesto ficou decidido na noite de quarta-feira, em assembleia na Nova Palestina, encerrada com a frase “Vamos parar São Paulo na sexta de manhã”. Líderes do MTST bradaram: “Haddad vai se arrepender de ter dado a pior declaração de sua vida”.

A ideia é obstruir a estrada de madrugada, por volta das 3h30, e seguir no final para a Marginal Pinheiros.

 

A ocupação foi iniciada no dia 27 de novembro e atraiu moradores das favelas da região e de cidades como Embu das Artes e Itapecerica da Serra que desejam a casa própria. Hoje, o local está saturado, e não está autorizada a montagem de novas barracas, a não ser que haja resistência. Todas as moradias são de lona e não é permitida a construção de barracos de madeira ou alvenaria. 

+ O que você acha do site da Vejinha? Responda aqui

Fonte: VEJA SÃO PAULO