Shows

Grupo americano Kool & the Gang se apresenta no HSBC Brasil

Com sonoridade retrô e cinco décadas de carreira, a banda cheia de groove volta aos palcos de São Paulo na quinta (28)

Por: Pedro Ivo Dubra

Kool & The Gang Shows
George, Ronald, Robert e Dennis: cinco décadas de carreira (Foto: Divulgação)

Ainda popular nas pistas devido a seu sabor retrô e com descendentes como a música eletrônica e o dance rock, a disco music da virada dos anos 70 para os 80 deve muito aos sujeitos acima. Os irmãos Robert (o “Kool”, no baixo) e Ronald Bell (sax), George Brown (bateria) e Dennis Thomas (sax) são os membros principais do grupo americano Kool & the Gang, responsável por injetar funk no gênero e vendedor de mais de 70 milhões de discos ao longo de cinco décadas de carreira. Três anos atrás, a banda esteve no HSBC Brasil, onde se apresenta novamente na quinta (28). Além do quarteto, haverá mais seis músicos no palco.

 

Formado em 1964, em Jersey City, nas proximidades de Nova York, o conjunto passou por uma transformação de estilo: começou num jazz mais ortodoxo até chegar à sonoridade grooveada consagradora. Sem James “J.T.” Taylor, que comandou os microfones entre 1979 e 1988 e teve uma breve volta na década de 90, os remanescentes seguem na estrada com êxitos dançantes como "Get Down on It", "Jungle Boogie", "Ladies’ Night", "Celebration" e "Open Sesame". A carreira do Kool & the Gang tem uma relação interessante com o Brasil. Mais popular lá fora do que aqui, o pianista carioca Eumir Deodato produziu álbuns do grupo de 1979 a 1983. Sua inspiração para os arranjos de metais veio das nossas boas e velhas marchinhas carnavalescas.

Fonte: VEJA SÃO PAULO