ENERGIA

Horário de verão termina à meia noite de sábado

Relógios devem ser atrasados em uma hora 

Por: Estadão Conteúdo

Relógio - Horário de verão
Horário de verão: medida deve reduzir  demanda em até 2 600 megawatts (MW). (Foto: Thinkstock)

O horário de verão termina no Brasil à meia-noite da passagem deste sábado (20) para domingo (21). Os relógios deverão ser atrasados em uma hora no Distrito Federal e em dez estados.

A medida teve início no dia 18 de outubro de 2015. Pela legislação, prevista no decreto nº 6 558/2008, o horário de verão vigora nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

+ Bares com terraço e agradáveis áreas ao ar livre para os dias quentes

Tiveram mudança de horário os estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, além do Distrito Federal.

+ Confira as últimas notícias da cidade

O decreto fixa a duração de quatro meses, a partir de 0h do terceiro domingo do mês de outubro de cada ano, até zero hora do terceiro domingo de fevereiro do ano seguinte, em parte do país.

O horário de verão é mais eficaz nos estados mais distantes da Linha do Equador, onde há uma diferença significativa na luminosidade durante a estação. Por isso, a medida não é mais aplicada nas regiões Norte e Nordeste.

De acordo com o Ministério de Minas e Energia (MME), a mudança de horário reduzirá a demanda em aproximadamente 2.610 megawatts (MW).

Fonte: VEJA SÃO PAULO