Dia do Orgulho Nerd

Hacker: a um passo de virar Sheldon Cooper

Dicas que conseguem tirar de casa até o mais aficionado por computadores

Por: Catarina Cicarelli e Leonam Bernardo - Atualizado em

Wall Street Bar 04
Wall Street, no Itaim: preços das bebidas variam como numa bolsa de valores (Foto: Raul Zito)

Acertar entre 8 e 12 perguntas do quiz que elaboramos classifica a pessoa como Hacker. O que isso quer dizer? Algo como: mais uma aula de física e você vira um Sheldon Cooper. Montamos um guia de programas e lugares ideais para o seu perfil:

+ Ainda não fez o quiz? Saber qual tipo de nerd você é

Laboratório de Garagem

O projeto que começou na internet e ganhou QG próprio na Vila Mariana não poderia ser mais nerd. A premissa para frequentá-lo é gostar de inventar coisas. O pessoal se reúne e, em conjunto, põe as ideias para novas bugigangas em prática.

Wall Street Bar

Um software exclusivo faz o preço das bebidas subir ou descer conforme a demanda, simulando cotações de uma bolsa de valores. O aparato tecnológico se completa com painéis touch screen sobre as mesas.

Starbucks - Cerqueira César

É ponto de encontro de nerds, até mesmo quando estão sozinhos. Munidos de notebooks, tablets e afins, são capazes de passar horas usufruindo do sinal wi-fi gratuito, sempre acompanhados de litros de cafés e frappuccinos.

Sala Imax - Bourbon Pompeia Espaço Unibanco

Inaugurada em 2009, a sala 3D tem tela com 21 metros de largura e 14 de altura que permite ao espectador uma verdadeira imersão no filme. Seja para assistir a um blockbuster de ficção científica ou um documentário sobre a vida marinha, o lugar proporciona realismo para nerd nenhum botar defeito.

Sogo Plaza Shopping

A galeria localizada na Liberdade tem tudo aquilo de que um bom nerd precisa. Lá são vendidos jogos, gibis, colecionáveis e até fantasias de animês para quem gosta de fazer cosplay.

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO