Humor

Fabio Porchat e Marcos Veras trazem espetáculos de humor para a cidade

Sucesso com A Porta dos Fundos, os humoristas fazem temporada, separados, no Teatro Shopping Frei Caneca

Por: Bruno Machado - Atualizado em

Fabio Porchat e Marcos Veras
Os humoristas Fabio Porchat e Marcos Veras: shows de stand-up comedy em São Paulo (Foto: Divulgação)

Eles são amigos, fazem humor e colhem os louros do estrondoso sucesso de A Porta dos Fundos. Mas não é apenas isso que os cariocas Fabio Porchat e Marcos Veras têm em comum. Em setembro, ambos chegam a São Paulo para se apresentarem no mesmo palco, o do Teatro Shopping Frei Caneca. A amizade de Porchat e Veras já dura anos e começou depois que um produtor teatral  os aproximou. Eu fui ver o show do Veras, e depois tomamos um chope e viramos amigos. Simples assim”, afirma Porchat.  

+ Mais sobre teatro

“Não é a primeira vez que isso acontece. No Rio, já fizemos sessões no mesmo teatro e no mesmo horário, mas em salas diferentes”, explica Veras, que estreia Falando a Veras, na terça (3). “Gosto de falar que é um show de humor, e não um simples stand-up, pois a peça tem vários elementos teatrais”, afirma o humorista que improvisa piadas, troca de figurino diversas vezes, canta paródias de Luan Santana, Daniel e Martinho da Vila e interpreta personagens. Tudo sob supervisão do amigo Fabio Porchat, que assina a direção do espetáculo.

Marcos Veras - Falando a Veras
Marcos Veras em cena de 'Falando a Veras': imitações de Daniel, Martinho da Vila e Luan Santana (Foto: Divulgação)

“Dei uma enxugada em tudo. Algumas piadas tinham um tempo muito longo, e no começo o Marcos dividia o palco com um DJ, o que era totalmente desnecessário”, lembra Porchat, que começa a temporada de Fora do Normal, na sexta (6).

No formato stand-up comedy, o espetáculo é baseado em piadas sobre o cotidiano do ator, que também conta fatos divertidos ocorridos com ele em viagens pelo Brasil e pelo mundo. "Também não vão faltar piadas sobre telemarketing", promete.

 

Fabio Porchat - Fora do Normal
Fabio Porchat: "Não quero me tornar o Neymar da publicidade" (Foto: Divulgação)

Com o sucesso de A Porta dos Fundos, que já conta com mais de 440 milhões de visualizações no YouTube, os dois também acumularam uma árdua rotina de gravações. Veras, além da temporada em São Paulo, viaja com Atreva-se, comédia dirigida por Jô Soares, e acumula gravações de Encontro com Fátima Bernardes e Zorra Total, na Rede Globo, além dos vídeos que  aparecem na internet toda segunda e quinta-feira.

A rotina de Porchat é ainda mais pesada: acumula trabalhos no cinema como Vai que Dá Certo, O Concurso  e o ainda inédito Meu Passado Me Condena, faz apresentações regulares do seu solo, grava episódios de A Porta dos Fundos e atualmente estrela quatro campanhas publicitárias na televisão. “Eu sou criterioso na escolha dos meus trabalhos. Não quero virar o Neymar da publicidade”, brinca.

Cena de 'Deputado' da Porta dos Fundos
Cena de 'Deputado', do humorístico Porta dos Fundos: possível sátira a Marcos Feliciano (Foto: Reprodução)

Sobre a mais recente polêmica envolvendo o humorístico da web – uma esquete intitulada Deputado, que para muitos era uma clara provocação ao pastor Marcos Feliciano – Veras e Porchat são unânimes: “não é sobre uma pessoa em especial. Escrevemos pensando em todos que estão aí, querendo chamar a atenção. Um político, um pastor, uma subcelebridade. Eu prefiro um ex-big brother a um religioso fanático”, brinca Porchat. Veras, por sua vez, defende: "A Porta dos Fundos não é politizada".

Para o final de 2013, a dupla já adianta que o canal terá novidades: uma série com episódios que serão divulgados para o público todos os finais de semana.

Fonte: VEJA SÃO PAULO