COMIDA

Erick Jacquin serve sopas na Virada Cultural

Chef francês é a grande novidade do evento que levará Alex Atala e mais vinte cozinheiros ao centro

Por: Sophia Braun - Atualizado em

Ercik Jacquin - Virada Cultural
Erick Jacquin: atração confirmada na Virada Cultural deste ano (Foto: Mario Rodrigues)

A Virada Cultural nunca esteve tão saborosa. Neste ano, além de quitutes como pastéis e cachorros-quentes, o público que estiver no centro da cidade no domingo (6) poderá experimentar receitas de chefs badalados por até 15 reais. A grande novidade do evento é o francês Erick Jacquin, que servirá sopas durante a madrugada. O mestre do foie gras deixa seu requintado restaurante em Higienópolis, o La Brasserie, para fazer caldos para aquecer o estômago dos baladeiros.

+ Tudo sobre a Virada Cultural 2012

+ O Mercado: madrugada gastronômica em Higienópolis

+ Virada Cultural 2012: o mapa das barracas do Minhocão

A iniciativa faz parte do projeto Chefs na Rua, que vai transformar o Elevado Costa e Silva, o Minhocão, em uma espécie de feira livre gourmet. A abertura ficará a cargo da galinhada do Dalva e Dito, servida pelo próprio Alex Atala à 0h do sábado. “Ele vai preparar 500 porções da receita numa espécie de boas-vindas”, explica Daniela Narciso, organizadora da iniciativa. Em seguida, às 2h, entra em cena a estação de sopas liderada por Jacquin.

Das 8h às 20h, porém, o viaduto será tomado por vinte barraquinhas, na altura da Rua Ana Cintra, cada uma liderada por um cozinheiro convidado. Nomes de peso, a exemplo Janaína Rueda, do Bar da Dona Onça, e Rodrigo Oliveira, do Mocotó, estão entre os participantes.

+ A programação completa você confere AQUI

Fonte: VEJA SÃO PAULO