Terraço Paulistano

Dr. Rey: “Tenho de estar preparado para parecer bonito, entende?”

Cirurgião plástico guarda perfume, gloss, fio dental e pasta de dente na meia para não marcar as calças Dior e Versace

Por: João Batista Jr.

Robert Rey, Dr. Hollywood - TERRAÇO 2228
Dr. Rey: “Tenho de estar preparado para parecer bonito, entende?” (Foto: Mario Rodrigues)

Na mais recente etapa de suas andanças por concursos de beleza em vários países, o cirurgião plástico Robert Rey, o Dr. Hollywood, esteve no Brasil para ser jurado do Miss Brasil 2011. A seguir, suas impressões sobre o mundo da vaidade.

+ Dr. Hollywood: "Cansei de cortar mulheres"

VEJA SÃO PAULO — Por que o convite? Robert Rey — Analiso a mulher matematicamente: a abertura do nariz, o ângulo da orelha, a proporção do corpo. Sei escolher. Gostei da Priscila Machado, a gaúcha que virou miss. Ela não é mulata nem faz o estilo étnico, tem um padrão universal. Não fica limitada. Isso ajuda na disputa no Miss Mundo.

VEJA SÃO PAULO — É verdade que será apresentador da Band? Robert Rey — Recebi um convite, mas ainda não assinei contrato. Gostaria de estar ao mesmo tempo na Band e na Rede TV!, com o programa Dr. Hollywood. Apenas tenho cara de bobo, mas sei fazer negócios. Meus produtos licenciados são sucesso na África e na Ásia, como o óleo para passar no corpo antes de tirar foto. Ele dá a impressão de que a pessoa é até 2 centímetros mais musculosa. Carrego esse cosmético na meia.

+ Xaveco Virtual: nossa ferramenta para paquerar no Twitter

VEJA SÃO PAULO — Na meia? Robert Rey — É para não marcar minhas calças Dior e Versace. Também guardo perfume, gloss que aumenta os lábios, fio dental e pasta de dente na meia. Tenho de estar preparado para parecer bonito, entende?

Fonte: VEJA SÃO PAULO