Consumo

Descontos em restaurantes e spas

Produtores de vinho e spas promovem semanas de preços promocionais

- Atualizado em

Descontos em restaurantes e spas Foto 2
(Foto: Veja São Paulo)

Quando estreou, em setembro de 2007, o Restaurant Week - evento periódico que oferece menus a preços fixos, em geral mais baratos que os do cardápio normal - atraiu 17 500 pessoas a 45 restaurantes paulistanos. Deu certo - apesar das longas e cansativas filas. Sua última edição, que terminou no mês passado, levou 400 000 pessoas a 201 estabelecimentos da cidade. Motivados pela experiência gastronômica, dois outros ramos do comércio organizaram acontecimentos semelhantes: a Spa Week São Paulo e a Wine Week, promovidas respectivamente pela Associação Brasileira de Clínicas e Spas (ABC Spas) e pelo colunista de vinhos Didú Russo em parceria com produtores brasileiros da bebida.

A Wine Week começa na segunda (19) e vai até o dia 1º de novembro. No período, dez vinhos nacionais serão vendidos por preços abaixo dos praticados nas cartas de catorze restaurantes. O Chardonnay Reserva Cordilheira Santana, que costuma custar cerca de 70 reais, sairá por 57 reais. Já o Cabernet Sauvignon Gran Reserva Marson custará 75 reais, cerca de 15 reais mais barato do que normalmente. Entre as casas participantes estão o restaurante Café Journal e todas as unidades das redes Ráscal e Rubaiyat. 'Queremos incentivar a degustação de rótulos ainda desconhecidos de boa parte dos consumidores', diz Russo.

Com objetivo semelhante, catorze clínicas de massagem oferecerão, de sábado (17) ao dia 31, tratamentos por 60 reais. Entre eles está a back massage, que promete aliviar tensões nas costas, realizada por profissionais do Elements Spas by Banyan Tree, rede internacional de terapias orientais com filial no hotel Tivoli São Paulo Mofarrej. Em dias normais, custa 175 reais. Além desta, fazem parte das ofertas uma sessão de massagem ayurvédica no Buddha Spa, cujo preço de tabela é 140 reais, e um escalda-pés no Casa Corpo, 40 reais mais barato do que usualmente. 'Ao contrário da gastronomia, o mundo dos spas urbanos é ainda pouco explorado pelos paulistanos', afirma Gustavo Albanesi, diretor de marketing da ABC Spas. 'Acredito que o evento terá ainda mais sucesso do que seu precursor, o Restaurant Week.'

Fonte: VEJA SÃO PAULO