Parceria

Denise Fraga e Claudia Mello: relação de mãe e filha

Atrizes estrelam série na TV paga, se preparam para viajar com Chorinho e falam sobre a amizade de anos

Por: Bruno Machado - Atualizado em

Chorinho
Claudia Mello e Denise Fraga em 'Chorinho': a parceria já dura mais de duas décadas (Foto: João Caldas)

É no andar térreo de um edifício em Higienópolis que fica, praticamente incógnito, o escritório de Denise Fraga e seu marido, o diretor Luiz Villaça. Foi ali que a atriz, acompanhada de Claudia Mello falou sobre os recentes (e antigos) trabalhos realizados em parceria e a longa amizade, que confunde ficção e realidade.

+ Mais sobre teatro

“Acho que a primeira vez que vi a Claudia foi quando gravamos uma série para o SBT”, afirma Denise, referindo-se à E Agora, Lulu?, de 1996, dirigida por Luiz Villaça. Desde então, as duas atrizes fizeram alguns trabalhos juntos e construíram uma grande amizade. Em 2008, dividiram o camarim de A Alma Boa de Setsuan – que valeu a Denise o Prêmio Molière.  “Foi quando percebemos que ficávamos trocando frases do Fauzi”, lembra Claudia, referindo-se ao diretor Fauzi Arap, que para as duas é uma espécie de guru. “O Fauzi tem frases que não saem da sua cabeça. ‘Denise, o que você tá fazendo?’. ‘Fauzi, eu estou fazendo o que você me mandou fazer!’. ‘Mas eu já falei pra você não me obedecer!' ", lembra a atriz.

As amigas voltariam a se encontrar em 2012, em Chorinho, escrita por Arap — que mais uma vez surgiria como uma espécie de ponte entre as duas. “Na época, eu queria trabalhar com o Fauzi e, quando li Chorinho, me encantei. O texto dizia tudo o que eu queria falar. Sobre a invisibilidade e a frieza do trato humano na nossa sociedade que tanto me incomoda”, afirma Denise, que agradece Claudia por ter lhe apresentado o espetáculo. Cinco anos antes, ela dividiu o palco com Caio Blat, que deixou a montagem. "Eu falei da Denise para o Fauzi e o Marcos Loureiro [codiretor do espetáculo], pois achei que o papel tinha tudo a ver com ela".

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Depois de uma temporada de grande êxito na cidade e uma apresentação na Praça Roosevelt, durante a Virada Cultural, Denise e Claudia se preparam para viajar com o espetáculo. Isso deve ocorrer após as filmagens de As 3 Teresas, série do GNT que representa um novo patamar no relacionamento entre as amigas e atrizes.

Denise Fraga e Claudia Mello
Denise Fraga e Claudia Mello: parceria profissional e pessoal, nas telas e nos palcos (Foto: Bruno Machado)

“Era um projeto antigo do Luiz [Villaça]. Eu estava fazendo Chorinho com a Claudia, e precisávamos de uma atriz para fazer a minha mãe. Não tinha como não ser ela”, brinca Denise. Na série, que estreou no começo do mês, três mulheres de diferentes gerações (e personalidades) - mãe (Claudia), filha (Denise) e neta (Manuela Aliperti) - dividem o teto e as agruras próprias das relações familiares.

Mas será que além da amigas e colegas de trabalho, Claudia e Denise acabaram desenvolvendo uma relação de mãe e filha? As duas não hesitam em responder que sim – mesmo que às vezes os papéis se invertam. “Eu sou meio preguiçosa. Não sou muito de repassar o texto. Quem me puxa é a Denise”, confessa Claudia.  “Falando assim, parece que trabalhamos juntas porque somos amigas, mas não é isso. A Claudia é mais que uma atriz especial, é única”, desfaz-se Denise, falando da amiga. “Eu tenho orgulho de trabalhar com alguém como ela. A Denise entra no palco e tudo se ilumina”, retribui Claudia, com os olhos marejados.

Fonte: VEJA SÃO PAULO