Bares

Dasilva, em frente ao Mackenzie, é boteco com cara de lar

Estabelecimento evoca uma típica moradia popular em uma área repleta de estudantes universitários

Por: Fabio Wright - Atualizado em

Dasilva - ambiente
O salão longo e estreito (Foto: Mario Rodrigues)

Próximo a quase todas as faculdades existem bares, geralmente sem muita graça, onde estudantes se reúnem para beber uma cervejinha antes, às vezes durante e depois das aulas. Inaugurado há um mês e meio em frente ao Mackenzie, o Dasilva tem estilo de boteco capaz de agradar aos universitários, mas faz de sua temática um diferencial. Conhecer o novo espaço é como visitar a casa de Lineu (Marco Nanini) e Nenê (Marieta Severo), do seriado ‘A Grande Família’. Num salão longo e estreito, avistam-se objetos como filtro de cerâmica, caixote de feira, vaso de samambaia e armários de fórmica.

Mojito Dasilva
O benfeito Mojito: R$ 12,00, com rum nacional (Foto: Mario Rodrigues)

O Dasilva foi aberto por Andrea Nathan (sócia do Exquisito!, do Squat e da Funhouse) e mais dois ex-funcionários do Exquisito!. Um deles, Rafael Almeida, cuida da cozinha. Receitas singelas compõem o cardápio, a exemplo do bolinho de mandioca com sardinha (R$ 9,00 a porção), que, embora cremoso, tinha pouco sabor do peixe. A seção de bebidas reserva chope Devassa Bem Loura (R$ 3,90) e 21 rótulos de cerveja. Entre eles, Original e Serramalte (R$ 5,50), Baden Baden Weiss (R$ 15,00) e a argentina Quilmes (R$ 13,00). Prove também o mojito, preparado como se deve, com a hortelã apenas levemente macerada (R$ 12,00, rum nacional; R$ 16,00, rum cubano). Tocada via MP3, a trilha sonora reúne Wilson Simonal, Fernanda Takai, Chico Buarque, Jorge Ben, Paulinho da Viola... Nas tardes de sábado, rolam samba de mesa e feijoada em bufê (R$ 22,00 por pessoa).

BEBIDAS ✪✪✪ | AMBIENTE ✪✪ | COZINHA ✪✪

Fonte: VEJA SÃO PAULO