Manifestação

Chef do Ruella promove passeata contra arrastões

Quatro homens invadiram e roubaram clientes do restaurante no dia 30 de maio

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

A chef e proprietária do Ruella, Danielle Dahoui, organiza uma passeata contra os arrastões que estão acontecendo nos restaurantes da cidade. A manifestação está programada para o dia 30 deste mês, a partir das 10 horas, no Parque do Povo, na Zona Oeste. 

No dia 30 maio, bandidos invadiram o estabelecimento no Itaim Bibi e roubaram os clientes. Danielle afirma que o abaixo-assinado pedindo mais segurança já conta com cerca de oito mil nomes. Entre os que assinaram o documento está o chef Alex Atala.

De acordo com Danielle, a polícia confirma 21 arrastões em São Paulo só este ano. Entretanto, ela já conseguiu apurar 39 casos até o dia em que seu estabelecimento foi roubado.  

Caso

Por volta das 23 horas do dia 30 de maio, quatro homens - um deles armado - renderam os seguranças e o manobrista do Ruella. Dois suspeitos entraram no estabelecimento com os funcionários e começaram a roubar os clientes.

Bolsas, joias, celulares e dinheiro foram colocados em cima das mesas. Segundo Danielle, dos 70 clientes que estavam no local, 19 tiveram pertences roubados. "Eles eram profissionais. Foram de uma rapidez, agilidade e profissionalismo tão grande que muitos clientes não entenderam o que aconteceu, parecia brincadeira", conta. "Não foi uma coisa assustadora, assustador é que o governo não faz nada.", disse Danielle para VEJASAOPAULO.COM na ocasião.

Logo após o roubo, a chef já manifestava o desejo de protestar contra a insegurança. "Não vou ficar quieta e me esconder. O que está errado é o sistema, é a corrupção. Os governantes precisam fazer a parte deles, porque eu faço a minha. Pode ser que não dê em nada, mas vou tentar."

No 15º. Distrito Policial, responsável pelo policiamento na região do Itaim Bibi, foram registrados 441 roubos, 1 130 furtos e 2 latrocínios nos primeiros quatros meses deste ano.

Fonte: VEJA SÃO PAULO