COMIDA

Cheese-coração: onde comer o lanche gaúcho em São Paulo

A nova lanchonete Moocardela, na Mooca, serve um sanduíche recheado de coração de frango com queijo e salada. Nós experimentamos.

Por: Helena Galante - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Para os gaúchos, o xis-coração (sim, essa é a grafia adotada nas lanchonetes de Porto Alegre e região) é o sanduíche mais queridinho do estado, o equivalente ao nosso lanche de mortadela do Mercadão ou de pernil do Estadão. Como o próprio nome indica, dentro do tal "xis" entram coração de frango e outros recheios, como queijo, maionese, alface, tomate, milho e ervilha.

Imagem_11 (4)
X-coração do Moocardela, com salada: 14 reais (Foto: Divulgação)

Pois São Paulo agora também tem uma lanchonete especializada em  "x-coração", como preferem escrever os paulistanos: a Moocardela, inaugurada em junho na Mooca.

Por trás do negócio, não há nenhum proprietário saudoso vindo do Rio Grande do Sul. Os três sócios, Laura Capo, Eduardo Varella e Jair Maciel, são da capital paulista e decidiram incluir a pedida no cardápio depois de assistir a uma reportagem na televisão.

 

"Era época da Copa e vimos que o lanche era uma comida de estádio famosa no Sul do país", conta Laura Capo. "Por coincidência, na mesma época, um cliente nos pediu um x-coração na hora do almoço. De noite, ele voltou e já tínhamos comprado o miúdo no açougue para atendê-lo."

Ainda não se trata de um hit da minúscula casa,  que dispõe de onze lugares apertadinhos em 30 metros quadrados. Desde que estreou no menu, há quinze dias, o sanduíche foi pedido por dezesseis pessoas.

Eu fui uma delas.

054
054 (Foto: Helena Galante)

No dia da minha visita (14/8), pude observar o passo a passo do preparo. Um espetinho de coração é tirado do freezer e vai direto para a chapa, onde é descongelado na marra. A carne (que já vem temperada e salgada do açougue) é picada e espremida contra a chapa diversas vezes até ser coberta por uma fatia de queijo mussarela.

O pão de hambúrguer, fornecido pela Padaria Monte Líbano, é lambuzado de maionese feita lá mesmo antes de receber o coração com queijo derretido e umas folhas de alface. Para finalizar, é prensado.

047
A chapa do Moocardela, onde os lanches são preparados (Foto: Helena Galante)

Para servir de acompanhamento, a simpática Dona Laura coloca um punhado generoso de batata chips, dessas compradas em supermercado. Por tudo, pagam-se 14 reais. Sem a salada, o preço baixa para 12 reais.

Eu - que adoro coraçãozinho grelhado de churrascaria - senti falta de um tempero caseiro e da textura original do miúdo, perdida durante o descongelamento brusco. No final, fica muito pão para pouco coração. Mas a ideia não é ruim, pelo contrário: os ingredientes combinam, e muito.

Antes de ir embora, Dona Laura abre o seu próprio coração, com o perdão do trocadilho: "Eu mesma não como coração de frango. Mas está fazendo sucesso."

Achou a pedida de gosto duvidoso? Pois saiba que o primeiro cliente do x-coração foi mais longe e pediu para acrescentar mortadela no recheio. "Eu coloquei", conta rindo a proprietária. "Afinal, gosto não se discute, não é?"

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO