Tempo

Cerca de 800 000 residências estão sem luz em São Paulo

Eletropaulo informou que a forte chuva de segunda-feira (12) causou o maior prejuízo deste verão na rede elétrica

Por: VEJA SÂO PAULO

queda-arvore
Queda de árvore na Zona Sul de São Paulo: região é uma das mais prejudicadas na cidade (Foto: Renato Mendes/Brazil Photo Press/Folhapress)

Aproximadamente 800 000 residências em São Paulo continuavam sem luz até o início da manhã desta terça-feira (13), segundo balanço divulgado pela Eletropaulo. O problema foi provocado pela forte chuva de segunda-feira (12).

+ Cerca de 900 árvores caíram nas últimas duas semanas

Os moradores mais prejudicados são das zonas Oeste e Sul, como Brooklin, Campo Belo, Moema, Ibirapuera, Morumbi e Butantã. A Eletropaulo informou que em todos esses casos houve queda de árvores sobre a rede elétrica, rompendo cabos ou quebrando e derrubando postes.

De acordo com a empresa, a tempestade provocou um prejuízo maior do que o registrado em 29 de dezembro, quando 500 000 clientes ficaram sem energia.

+ Confira as últimas notícias

Nessa segunda-feira (12), São Paulo bateu pelo terceiro dia consecutivo o recorde de calor, com os termômetros registrando 35,4ºC, segundo a Climatempo. Além da falta de luz, a chuva deixou ruas alagadas, fechou temporariamente o Aeroporto de Congonhas e ainda derrubou muitas árvores.

Fonte: VEJA SÃO PAULO