Mostra São Paulo reúne dez peças de teatro de bonecos

Teatro de bonecos, uso de sombras, instrumentos musicais e outros acessórios compõem as peças da Quinta Mostra São Paulo

A partir da próxima segunda (22), acontece na cidade a 5ª edição da Mostra São Paulo. Promovida pela Cooperativa Paulista de Teatro, o evento promove o teatro de bonecos. Serão dez espetáculos de grupos brasileiros e internacionais que apresentam diferentes técnicas.

O evento é gratuito, basta retirar os ingressos com 30 minutos de antecedência. As casas de espetáculos comportam até 200 pessoas.

Confira a programação completa:

Berenices

Berenices

Berenices: sessão na segunda (22), às 15h (Karim da Hora e Livia Gonzaga Bertuzzi/Veja SP)

Nessa montagem do Grupo Morpheus, os atores utilizam recursos de mímica e o teatro de bonecos para contar a história de uma garotinha chamada Berenice que está crescendo e precisa lidar com uma série de emoções e sentimentos. Os anseios da menina se intensificam ainda mais quando ela sente que a mãe dá mais atenção ao recém-nascido. Cada uma das emoções é interpretada por uma boneca diferente com cores características, como a Quebratudo, que representa a raiva, com trajes vermelhos. Dica para os pais: as máscaras podem assustar as crianças menores de 3 anos.

Segunda (22), às 15h
CEU Aricanduva – Rua Olga Fadel Abarca, s/nº – Vila Aricanduva. Tel. 2723-7556
Duração: 60 min / Livre

Carmencita
Inspirada livremente na ópera Carmen, de Georges Bizet, a peça dirigida por Danilo Tomic, traz Cristianita de Aragón (Cris Miguel) e uma mala de viagem. Desta saem diversos personagens, que brincam, se apaixonam e cantam ao vivo.
Terça (23), às 10h
CEU Aricanduva – Rua Olga Fadel Abarca, s/nº – Vila Aricanduva. Tel. 2723-7556
Duração: 50 min / Livre

O Flautista de Hamelin
A peça é uma parceria do grupo Trip Teatro com a companhia espanhola, Los Titiriteros de Binéfar. Esta apresenta a história de um artista, que chegam à cidade de Hamelin e com apenas uma flauta consegue livrar a cidade de uma peste de ratos.  
Terça-feira (23), às 15h
CEU Aricanduva – Rua Olga Fadel Abarca, s/nº – Vila Aricanduva. Tel. 2723-7556
Duração: 40 minutos / Livre

O Senhor das Vassouras
O grupo Teatro de La Plaza apresenta a história do gari Chimbico, que ganha uma flor de sua namorada, mas um homem de negócio quase acaba com o presente. O gari dá uma lição nesse homem com os seus objetos de faxina.
Quarta (24), às 10h e às 15h
Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha – Rua Conselheiro Moreira de Barros, 3977, Lauzane Paulista. Tel. 2233-9270
Duração: 45 min / Livre

Entre Janelas: sessão na quinta (25), às 14h30min (Anelize Tozetto/Divulgação)

Entre Janelas
Os curitibanos do Tato Criação Cênica apresentam a história de um menino e seu cachorro Pitu. Depois de ganhar um computador, o menino fica encantado e não se dedica mais ao companheiro de quatro patas. Depois, os dois vão ter que encontrar um jeito de se reunirem.
Quinta (25), às 14h30min
Fábrica de Cultura Sapopemba – Rua Augustin Luberti, 300, Sapopemba. Tel. 2012-5803
Duração: 50 min / Livre

Coisas de Menino Boneco
O grupo Clara Trupi de Ovos y Assovios traz por meio de objetos e instrumentos a história de um boneco de pano, que vive normalmente como se fosse um menino de verdade. 
Sexta (26), às 10h30
Fábrica de Cultura Parque Belém – Avenida Celso Garcia, 2231, Belém. Tel. 2618-3447
Duração: 40 min / Livre

Fadas
Inspirado no conto As Fadas, de Charles Perralut, o grupo Essa é Cia apresenta a história de uma menina que tem o dom de falar doces e preciosas palavras, como uma fada.
Sexta (26), às 21h
Teatro Cacilda Becker – Rua Tito, 295, Lapa. Tel. 3864-4513
Duração: 40 min / Livre

10 años: sessão no sábado (27), às 16h (Valeria Guglietti/Divulgação)

10 Años de Sombras
De autoria, direção e apresentação de Valeria Guglietti, a peça é uma homenagem aos 10 anos da companhia e constrói um “filme” artesanal a partir de sombras de mãos.
Sábado (27), às 16h
Teatro Cacilda Becker – Rua Tito, 295, Lapa. Tel. 3864-4513
Duração: 45 minutos / Livre

 Vigiar e Punir: Um soldado Beijava a Boca de Foucault na Escada da Escola
Marionetes inspiradas nos quadros de Goya e imagens de Jérôme Bosch ajudam a compor o texto homônimo de Michel Foucault. A história mostra a transformação dos modos de punição ao longo do templo.  
Sábado (27), às 21h
Teatro Cacilda Becker – Rua Tito, 295, Lapa. Tel. 3864-4513
Duração: 60 min / Adulto

3OBRAS3
O argentino Guillermo Bernasconi dirige e interpreta três peças: Cachito e o Lobo (a história de Cachito que foge do lobo que quer comê-lo), A Grande Luta dos Cangurus (dois cangurus lutam pelo Título Internacional de Boxe) e O Dono da Lagoa (conta a história de um sapo que deseja conhecer o dono da sua lagoa, um jacaré).
Domingo (28), às 16h
Teatro Cacilda Becker – Rua Tito, 295, Lapa. Tel. 3864-4513
Duração: 50 min / Livre

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s