Reintegração de posse em Osasco termina com incêndio

Uma reintegração de posse determinada pela justiça e realizada por cerca de 700 policiais militares terminou com barracos incendiados na Comunidade Nelson Mandela, em Osasco na manhã desta terça (9).

+ As últimas notícias da capital

Aproximadamente 12 000 pessoas foram retiradas de uma área particular de 200 000 metros quadrados invadida em fevereiro de 2014. A ação interditou parte do trecho oeste do Rodoanel por cerca de três horas.

Solicitada pela empresa proprietária da área, a reintegração de posse foi determinada pela juíza da 2ª Vara Cível do Foro de Osasco, Ângela Moreno Pacheco de Rezende Lopes.

Durante a ação, quatro homens foram presos e encaminhados ao 10º DP por furtarem materiais de construção de outros moradores.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s