Na Paulista, morre outro morador de rua após madrugada fria

O corpo de Adilson Roberto foi encontrado sem sinais de violência; capital teve mínima de 6,1°C na madrugada deste domingo (12)

Na madrugada em que São Paulo teve a segunda menor temperatura de 2016, mais um morador de rua morreu, desta vez na calçada da Avenida Paulista, na região central. Na sexta-feira, 10, um homem que dormia na rampa de acesso à Estação Belém do metrô, na Zona Leste, também morreu possivelmente por causa da baixa temperatura.

+ Temperatura deve subir em São Paulo a partir de terça (14)

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP), o corpo de Adilson Roberto Justino foi achado na Avenida Paulista por volta das 4 horas deste domingo, 12, sem sinais de violência física. Segundo uma testemunha, Justino morreu após apresentar convulsões.

O local passou por perícia e o cadáver foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML). Na madrugada deste domingo, a capital teve mínima de 6,1ºC, afirmou o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). O índice é o segundo menor de 2016, menor apenas do que os 5,5ºC registrados na sexta-feira, 10.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s