GPS agiliza coleta de lixo

Há três meses, os 295 caminhões que coletam diariamente 9 500 toneladas de lixo domiciliar na cidade são monitorados pelo sistema GPS de localização via satélite. As concessionárias EcoUrbis Ambiental S.A. e Logística Ambiental de São Paulo S.A. (Loga) gastaram 2,4 milhões de reais com a instalação de aparelhos que acompanham cada deslocamento minuto a minuto com o objetivo de constatar – e evitar – eventuais atrasos. Quando um veículo para por mais de quatro minutos, um ponto amarelo surge na tela do computador central, alertando sobre possíveis falhas. “Passamos a identificar mais facilmente os locais com acúmulo de lixo”, explica Ricardo Acar, presidente da EcoUrbis. Quando necessário, aumenta-se o número de caminhões para as áreas problemáticas.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s