Casa de Vidro da arquiteta e artista plástica Lina Bo Bardi é tombada

Primeira grande obra da arquiteta e artista plástica italiana Lina Bo Bardi, a Casa de Vidro foi construída em 1951, num terreno de 7 000 metros quadrados no Morumbi. Ela e seu marido, o diretor do Masp e curador Pietro Maria Bardi, que haviam chegado ao Brasil cinco anos antes, moraram ali. Desde 1990, o espaço abriga o Instituto Lina Bo e P. M. Bardi, onde estão guardados os livros e documentos pessoais do casal. Há pouco mais de um mês, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) aprovou o tombamento da construção. O mesmo já havia sido feito há 21 anos pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo (Condephaat).

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s