Clique e assine por apenas 6,90/mês

São Paulo registra 25 800 mortes por coronavírus

Foram 298 novos óbitos desde terça (11)

Por Agência Brasil - Atualizado em 12 ago 2020, 17h25 - Publicado em 12 ago 2020, 17h24

O estado de São Paulo registrou 25 869 mortes pelo novo coronavírus (Covid-19), segundo o balanço divulgado nesta quarta-feira (12) pelo governo estadual. Foram 298 novas mortes desde terça (11). O estado tem até o momento 655 188 casos confirmados da Covid-19, com o surgimento de 15 600 novos contaminados com a doença.

O índice de ocupação dos leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) no estado está em 58,3% e na Grande São Paulo em 57,1%. São 5 500 pessoas internadas em UTIs e 7 100 em leitos de enfermaria com confirmação ou suspeita de coronavírus.

Governador doente

Hoje (12), o governador de São Paulo, João Doria, informou que testou positivo para o novo coronavírus. Segundo o vice-governador, Rodrigo Garcia, o governador está assintomático e não vai se licenciar do cargo. Ele vai manter contato com a equipe de forma remota, a partir de sua casa, cumprindo o isolamento social. “Continuará dando orientações à sua equipe de trabalho e a figura do vice-governador”, disse Garcia.

Em vídeo divulgado na sua conta no Twitter, Doria disse que recebeu o diagnóstico positivo em seu sexto teste para saber se tinha Covid-19. Ele disse que pretende usar ferramentas de videoconferência e o celular para continuar repassando as orientações à equipe de governo. “Durante os próximos dez dias estarei cumprindo este protocolo”, disse o governador.

Secretários afastados

De acordo com Garcia, todas as pessoas que tiveram contato por mais de 15 minutos com Doria a uma distância de menos de um metro devem ficar em isolamento social e serão testadas para saber se contraíram o vírus.

Devido a essa precaução, estão afastados o secretário de Habitação, Flavio Amary, e o de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen.

Continua após a publicidade
Publicidade