Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Luciano Szafir correu risco de morrer mais de uma vez, diz médico

O ator teve alta no último sábado (24) e desabafou em entrevista: "Intubar foi a pior coisa da minha vida"

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 26 jul 2021, 15h16 - Publicado em 26 jul 2021, 14h43

Luciano Szafir, 52, foi internado durante mais de um mês após ter contraído, pela segunda vez, o vírus da Covid-19. O ator teve alta no último sábado (24) e deu detalhes sobre o período angustiante que passou no hospital Copa Star ao Fantástico.

Os sintomas da reinfecção apareceram no dia 15 de junho. No Rio de Janeiro, onde o ator mora, era a data de vacinação para a faixa etária de Luciano, mas ele foi aconselhado pelo médico a não tomar o imunizante naquele dia e realizar uma tomografia. A primeira infecção ocorreu em fevereiro deste ano.

+ Xuxa conversa com fãs e agradece orações por Luciano Szafir

De acordo com o pneumologista João Pantoja, Luciano foi internado no dia 22 de junho com febre e 25% do pulmão comprometido e, no dia 12 de julho, desenvolveu embolia pulmonar. No dia 6, uma alça intestinal tinha sido perfurada e o ator teve que passar por uma cirurgia. O médico afirma que Luciano esteve em risco de morte por mais de uma vez devido às complicações da doença.

Após ser questionado sobre qual seria a sensação de estar consciente enquanto piorava de quadro, Luciano afirmar que se sentiu impotente. “O intubar foi a pior coisa da minha vida. Eu lembro que falei: não sei se daqui eu saio. (…) São duas lutas: contra vírus e contra a cabeça. O tempo todo eu pensava nos filhos, na minha mulher, na minha família, sabe?”, diz.

A filha mais velha do ator, de seu relacionamento com Xuxa Meneghel, Sasha Meneghel, estava em lua de mel e antecipou a volta para ver o pai.“Quando ela soube da internação, ela veio correndo. Depois que a gente se encontrou, eu falei: ‘poxa, estraguei a lua de mel’. É muito difícil pensar em quem você ama e saber que você pode deixá-los a qualquer instante”, conta.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade