Imagem Blog

Tudo Sobre Cinema Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Continua após publicidade

Por que Sky Rojo é uma das melhores séries novas da Netflix – e ninguém viu

A trama espanhola se passa na ilha de Tenerife e traz a trajetória de três prostitutas em fuga de um cafetão

Por Miguel Barbieri Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 9 abr 2021, 13h37 - Publicado em 8 abr 2021, 10h15

Embora seja dos mesmos criadores do hit La Casa de Papel, Sky Rojo não anda fazendo o mesmo sucesso nem aparece no top 10 da Netflix. Vale, porém, descobrir esta série que combina, deliciosamente, elementos da comédia, da aventura e do drama com ritmo dinâmico e reviravoltas entusiasmantes.

A locação já é inusitada — a história se passa em Tenerife, a maior ilha das Canárias, que pertence à Espanha. Romeo (Asier Etxeandia, o amigo de Antonio Banderas em Dor e Glória) comanda um bordel de luxo e trata suas funcionárias com desprezo. Como encontrou um namorado, a cubana Gina (Yanis Prado) quer reaver seu passaporte e, assim, ter de volta sua liberdade longe da prostituição. Uma discussão com o chefe termina em tragédia e envolve outras duas prostitutas, Coral (Verónica Sánchez) e Wendy (Lali Espósito). As amigas, então, fogem da cena do crime e partem de carro sem rumo. No encalço delas estão dois capangas de Romeo.

Em flashbacks, o roteiro traz o amargo passado das protagonistas e, no presente, as mulheres empoderadas enfrentam o machismo à base de contragolpes. A violência e o humor flertam com o estilo cartunesco/estilizado de Tarantino e os dramalhões, guardadas as devidas proporções, parecem extraídos de uma trama de Almodóvar. É bacana também ver a representatividade de nacionalidades do elenco, com atrizes protagonistas de Cuba e da Argentina, que se juntam uma espanhola.

+Assine a Vejinha a partir de 8,90.

Continua após a publicidade

São oito episódios curtos, com cerca de meia hora cada um. E vale os avisos: o desfecho fica em aberto e a segunda parte estreia no dia 23 de julho.

Quer me seguir nas redes sociais? Anote: 

Facebook: facebook.com/paginadoblogdomiguel
Twitter: @miguelbarbieri
Instagram: miguelbarbieri
YouTube: Miguel Barbieri Jr. 

 

 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.