Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Tudo Sobre Cinema

Marina Person indica série feminista sobre prostituição nos anos 70

O seriado 'The Deuce' é exibido na HBO

Por Miguel Barbieri 2 nov 2018, 10h00

Umas das primeiras apresentadoras da MTV, Marina Person seguiu novos caminhos. Virou boa cineasta conforme demonstrou no documentário Person (sobre seu pai, o diretor Luiz Sérgio Person) e na nostálgica ficção Califórnia. Também conhecida como apresentadora do programa Metrópolis, ela, agora, está no canal Arte 1 à frente da atração Magazine NYT.

Cinéfila, Marina também adora ver séries na TV e a convidada da semana para indicar um seriado.

Com vocês, Marina Person:

“Uma das séries que eu mais gosto de ver atualmente, talvez a melhor desde Mad Men (a minha favorita), é The Deuce. Hoje em dia, temos uma boa oferta de seriados com um formato de audiovisual moderno e muitos envolvem algum tipo de violência. E eu tenho problemas com violência porque costumo assistir antes de dormir e isso me deixa perturbada. Breaking Bad, por exemplo, abandonei no meio porque tinha pesadelos. The Deuce tem uma certa relação com Mad Men porque retrata uma época bem detalhada: são os anos 70 nos Estados Unidos, mais especificamente em Nova York, numa área central de Manhattan então conhecida como “the Deuce”. Era uma região em que rolava muita prostituição e o seriado traz à tona a histórias das garotas de programa, dos cafetões e do universo do sexo que, posteriormente, se tornaria a indústria do cinema pornográfico. Além do timing, da pegada cinematogrática, ela é muita calcada nas relações entre os personagens, com bons diálogos e caracterizações impecáveis. Uma curiosidade: é produzida pelos atores principais, Maggie Gyllenhaal e James Franco – ele, inclusive, faz dois papéis: o do irmão trabalhor e honesto e um outro, jogador e trapaceiro. São personagens antagônicos, porém unidos por laços de amor. James Franco arrasa na dupla atuação e Maggie Gyllenhaal está absolutamente maravilhosa, ainda mais que a personagem exige muito da atriz em cenas em que aparece nua e envolvida em sequências fortes. Outro aspecto importante é que a série aborda o cotidiano de garotas oprimidas pelos cafetões, mas há uma abordagem muito direta das questões feministas. Recomendo muito The Deuce: é muito bem dirigida, tem produção ótima, ambientação perfeita e elenco incrível”.

– The Deuce está disponível na HBO pelo NOW ou na HBO GO.

Facebook: facebook.com/paginadoblogdomiguel
Twitter: @miguelbarbieri
Instagram: miguelbarbieri
YouTube: Miguel Barbieri Jr. 

 

Continua após a publicidade

Publicidade