Imagem Blog

Terraço Paulistano

Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.
Continua após publicidade

Leilão da BrazilFoundation arrecada 310 000 reais

Eduardo Lyra fez o melhor discurso: "Meu pai iria querer roubar o banco de vocês", brincou ao se dirigir aos banqueiros presentes

Por João Batista Jr. Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 30 nov 2017, 13h34 - Publicado em 30 nov 2017, 13h29

Jantar beneficente e de gala sempre tem um script parecido, com uma ou outra variação. Mulheres e homens bem vestidos, decoração suntuosa, bufê impecável e… muita gente esquece o real motivo de ter saído de casa. Ocorrida nesta quarta (29) na Casa Fasano, no Itaim, a quarta edição paulistana do BrazilFoundation, entidade cuja meta é arrecadar fundos para ONGs que trabalham com educação e direitos sociais, foi bem diferente.

Talvez seja o clima de divisão e intolerância do país. Para cada ação, uma reação. Ontem, diversas vezes os convidados se levantaram para aplaudir de pé homenageados como Eduardo Lyra, do Instituo Gerando Falcões. Nascido em uma favela de Guarulhos, ele deu uma aula de como não perder as esperanças.

Eduardo Lyra ao lado de Ricardo e Patrícia Marino: aplaudido de pé (Reprodução/Veja SP)

“Quando eu reclamava da fome, minha mãe dizia que eu era maior do que a fome; quando eu reclamava do barraco, minha mãe dizia que eu era maior que o barraco; quando eu reclamava porque meu pai estava preso por ser assaltante de banco, ela dizia que eu era maior que o presídio”, disse. “O homem fez quase tudo: foi à Lua, criou o Facebook. Não faz sentido existir favela sem saneamento. Temos de virar o jogo e acreditar em nosso país.” Ele arrancou risos ao se dirigir às mesas cheias de banqueiros: “Engraçado falar por aqui, meu pai certamente iria querer roubar o banco de vocês.”

Claudio Haddad, fundador do Insper, foi outro homenageado pelo seu legado para a educação – entre outras coisas, direciona uma verba alta para pagar a faculdade de estudantes carentes. Um deles repetiu a história: criou uma entidade que dá óculos de grau para população carente.

Continua após a publicidade

O leilão foi comandado pelo jornalista Bruno Astuto e pela engraçada Ingrid Guimarães. A humorista arrancou risadas de todos quando falou a seguinte verdade: “Hoje ninguém viaja para conhecer os lugares, mas para fazer foto incrível e postar no Instagram”. Disse isso na hora de leiloar um pacote de luxo no Mirante do Gavião, um dos hotéis mais lindos da Amazônia. “Pensa no boomerang pulando no Rio Negro e nas selfies com o boto, gente!”. A modelo Alice Dellal arrematou a experiência por 16 000 reais.

Lala Rudge, de macacão Chanel: uma das mais lindas da noite (Reprodução/Veja SP)

Um quadro assinado pelo estilista francês Jean Charles de Castelbajac, um dos presentes da noite, foi comprado por 40 000 reais. Um pequeno parêntese: o artista está no Brasil para a fazer a decoração de Natal do Shopping Cidade Jardim. Na segunda (27), quando pintava em uma pilastra do estacionamento do lugar, um segurança foi com tudo impedir o que imaginou ser uma contravenção. Tudo foi resolvido em questão de minutos.

O leilão, ao todo, arrecadou 310 000 reais. Essa cifra sobe com o valor da venda de mesas e outras doações. A Chanel é a principal patrocinadora da noite, tanto que esteva com as três mesas mais estreladas. Lala Rudge, Laura Neiva, Sophie Charlotte, Alice Dellal e Ellen Milgrau estavam todas vestidas com peças da grife.

Continua após a publicidade

As mais elegantes da noite: Lala, moderna com um macacão de tweed pied-de-poule, Marina Morena, sexy com blusa transparente e calça (quem disse que não pode em festa de gala?), e Maytrhe Birman, com um longo preto acinturado – que valorizou o corpão trabalhado em treinos intensos de ciclismo. O estilista e stylist Rapha Mendonça chamou a atenção com um quimono estilizado com patês minúsculos e coloridos feito por ele próprio. “Não encontro roupas para comprar, então decidi fazer essas peças para mim”, contou.

Peta Gil e Marina Morena: transparência e animação (Reprodução/Veja SP)

Sophie Charlotte se destacou pelo cabelo platinado, cujo resultado ficou bastante duvidoso. Ela pintou as madeixas para viver sua personagem na minissérie Ilha de Ferro, da Globo, com estreia prevista para abril de 2018. A noite teve ainda show de Preta Gil, com pista lotada o tempo todo.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.