Imagem Blog

Terraço Paulistano

Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.
Continua após publicidade

Alberto Youssef deve 45 000 reais em cartão de crédito

Segundo advogado, doleiro não irá quitar a dívida pois não tem dinheiro

Por Sérgio Quintella Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 27 out 2017, 06h00 - Publicado em 27 out 2017, 06h00

O doleiro Alberto Youssef foi o primeiro preso da Operação Lava-Jato, em março de 2014, quando decidiu delatar integrantes do escândalo de corrupção. Ficou quase três anos na cela em Curitiba e, desde março deste ano, passou para o regime aberto — não pode deixar sua casa à noite nem viajar para o exterior. Agora, anda às voltas com outra dor de cabeça. Antes de ir para a cadeia, contraiu uma dívida de 45 000 reais em seu cartão de crédito Bradesco. O banco acionou a Justiça para fazer a cobrança. “Ele não tem dinheiro e não vai pagar. Ficou pobre e está insolvente”, diz o advogado Gustavo Flores.

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.