Imagem Blog

Infomania

Por Thiago Ramaciotti Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Thiago Ramaciotti dá dicas sobre tecnologia, gadgets e apps
Continua após publicidade

Tudo o que você precisa saber sobre o fenômeno do Pokémon Go pelo mundo

O tema de hoje gerou muita polêmica e ansiedade durante os últimos dias! Vamos falar do famoso Pokémon Go, que nem chegou ao Brasil, mas já está causando e não é pouco. Os personagens que fizeram sucesso nos anos 90 e em boa parte da minha adolescência estão prestes a desembarcar novamente por aqui com força total! Para vocês […]

Por Carolina Giovanelli
Atualizado em 26 fev 2017, 11h03 - Publicado em 28 jul 2016, 19h50

Pókemon Go

O tema de hoje gerou muita polêmica e ansiedade durante os últimos dias! Vamos falar do famoso Pokémon Go, que nem chegou ao Brasil, mas já está causando e não é pouco.

Os personagens que fizeram sucesso nos anos 90 e em boa parte da minha adolescência estão prestes a desembarcar novamente por aqui com força total! Para vocês terem uma noção, nos Estados Unidos, o aplicativo já foi mais baixado que o Tinder. Mas o que é o Pokémon Go? Resumindo: trata-de se um jogo de realidade aumentada para smartphone. Tenho certeza que vai ser um marco no mundo dos games.

+ Pokémon GO tem data para estrear no Brasil, diz site

Com o uso do GPS de seu aparelho, você só consegue jogar enquanto anda e daí que começa a adrenalina: caçar os pequenos monstros virtuais como Pikachu e Jigglypuff, em lugares próximos da localização do seu telefone. A partir daí, você os treina para lutar uns com os outros.

Como isso acontece? Graças à tecnologia. Na tela do celular você vê o mundo real, como na câmera do celular, mas o cenário está cheio de Pokémons! Legal, né? Acredito que tudo isso junto gera uma pontinha de ilusão de ótica.

O app era para ter sido lançado na semana passada aqui no Brasil, mas de acordo com a desenvolvedora Niantic houve uma mudança de data, porque com tantos usuários ativos o game estava tendo problemas. Houve uma expansão do sistema e tudo indica que em breve ele aparecerá pelas bandas brasileiras.

Continua após a publicidade

+ Fãs brasileiros se preparam para a chegada do Pokémon GO

Disponível na plataforma de iPhone e Google Play, o jogo pode ser baixado de graça, mas há coisas para se comprar enquanto você estiver brincando. Existem grandes chances de você não resistir e gastar mesmo! Rs

A privacidade em relação à ferramenta gerou polêmica e dúvidas. Algumas pessoas disseram que, como o jogo funciona em tempo real, se você estiver perto de outro jogador, tem grandes chances de conseguir vê-lo na rua. Isso ocorre porque quando você se inscreve no jogo, permite utilizar sua localização e compartilhá-la pelo aplicativo. Isso facilita assaltos.

Se liga nessas dicas de vocabulário para começar a se inserir no mundo do Pokémon Go:

– Pókemon = pocket monster (monstro de bolso)

– Pokestop = landmark (ponto de referência)

Continua após a publicidade

– Pokeball = uma bola que você joga para capturar o Pókemon e treiná-lo

– Academia = local onde os Pokémons lutam uns contra os outros

Falando em números, o game já gerou mais de 7 bilhões de dólares à Nintendo por causa do aumento do valor das ações desde o seu lançamento. Está fazendo sucesso em dois mercados. O primeiro são os adolescentes, vidrados com a novidade, e o segundo são as pessoas com cerca de 30 anos curtindo uma nostalgia.

+ Vida de menino autista muda por causa de Pókemon Go

Uma curiosidade é que os desenvolvedores do game liberaram os 151 personagens, mas alguns deles só podem ser encontrados em determinados continentes.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.