Imagem Blog

O Sexo e A Cidade

Por Blog
Histórias, novidades e estratégias dos empresários do mercado erótico em São Paulo
Continua após publicidade

Tudo sobre o encontro do poliamor: mais de 150 “trisais” e simpatizantes marcam piquenique no Parque Ibirapuera

O evento foi postado no Facebook na terça (5) e três dias depois já reunia mais de 160 confirmados. Em 23 de janeiro, um sábado, a partir das 11h, no portão 10 do Parque Ibirapuera, haverá um encontro de adeptos e simpatizantes do poliamor. Esse conceito de relacionamento é formado por três (raramente quatro ou […]

Por Ana Carolina Soares
Atualizado em 26 fev 2017, 13h41 - Publicado em 8 jan 2016, 14h43
O encontro terá palestra, sorteio de brindes e um happy hour na Vila Madalena (Foto: Divulgação do filme Vicky Cristina Barcelona)

O encontro terá palestras, sorteio de brindes e vai terminar com um happy hour na Vila Madalena (Foto: Divulgação do filme ‘Vicky Cristina Barcelona’)

O evento foi postado no Facebook na terça (5) e três dias depois já reunia mais de 160 confirmados. Em 23 de janeiro, um sábado, a partir das 11h, no portão 10 do Parque Ibirapuera, haverá um encontro de adeptos e simpatizantes do poliamor. Esse conceito de relacionamento é formado por três (raramente quatro ou mais) pessoas que vivem um vínculo amoroso estável. Eles formam um “trisal” ou “quadrisal”, como chamam esse plural de casal.

+ Tuy e Biel, os vloggers do sexo

“Ao contrário do que muitos preconceituosos acham, não é ‘bagunça’, mas uma forma de amar”, explica a terapeuta holística Rigléia Moura, uma das organizadoras do encontro. Ela vai promover palestras, discussões em grupo, além de sorteios de brindes, como óleos de massagens.

Continua após a publicidade

À noite, o pessoal planeja uma esticadinha na NossaCasa Confraria das Ideias, na Vila Madalena. “Será um evento sério. Os curiosos ou quem acha que é suingue, certamente ficarão decepcionados”, diz a organizadora.

+ Exclusivo: Conheça a nova maquete com detalhes do ErotikaLand, a “Disney do Sexo”

Não há estimativas oficiais sobre o número de pessoas que vive esse tipo de união em São Paulo. No Facebook, há um grupo fechado com quase 11 000 pessoas de todo o país. “Conheço dezenas de trisais na cidade. Eles dividem o mesmo teto, vão ao cinema, ao supermercado, enfim, fazem programas como um casal tradicional”, diz Rigléia.

Continua após a publicidade

Divorciada, Rigléia simpatiza com a causa e já estimulou casais a abrirem espaço para uma terceira pessoa. “Certa vez, atendi um homem que amava sua esposa, mas havia se apaixonado por um amigo e gostaria de incluí-lo na relação. Na terapia, a mulher revelou que sentia o mesmo desejo. Em 2016, os três completam vinte anos juntos.”

+ Exercícios contra a impotência e dicas para se dar bem no e-commerce: vem aí o congresso sobre sexo e negócios

Apesar do engajamento, Rigléia é divorciada e não sabe se teria coragem de assumir um relacionamento nesses moldes. “Tenho dois filhos adolescentes e um deles é bem conservador, jamais admitiria. Eu mesma não sei se teria coragem ou sofreria crises de ciúme. Como a maioria de nós, tive uma educação monogâmica, daquelas bem tradicionais. Mas quem sabe um dia?”

Continua após a publicidade

+ Confira as principais notícias da cidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.