Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Repórter e cinegrafista da Globo são ameaçados durante reportagem na CPTM

A repórter Cinthia Toledo foi ao local para fazer uma matéria sobre os problemas técnicos para o "SPTV" desta terça (6)

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 7 nov 2018, 12h59 - Publicado em 7 nov 2018, 12h56

Os passageiros que dependem da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) tiveram uma manhã de caos na terça (6). Os atrasos foram provocados por uma falha em um trem na estação Perus, da Linha 7-Rubi do transporte publico paulista. A repórter Cinthia Toledo foi ao local para fazer uma matéria para a primeira edição do SPTV, mas foi surpreendida por uma situação inesperada.

A jornalista questionava passageiros sobre os atrasos quando foi interrompida por seguranças da CPTM: “Enquanto a gente gravava as entrevistas, os seguranças da CPTM se aproximaram e o chefe dele disse que a entrada da nossa equipe não estava autorizada. Nós tentamos explicar”, disse Cinthia antes de revelar que há muito tempo os repórteres da TV Globo pagam a passagem e conseguem entrar nas estações e plataformas para fazer matérias e reportagens. Na sequência, o responsável ameaça os profissionais: “Você tá forçando já… nós vamos quebrar esse equipamento aí!“.

Os seguranças também empurraram o repórter cinematográfico da emissora. “Depois, o chefe deles toma da minha mão o celular que a gente usa nas reportagens”, explica a jornalista. De volta aos estúdios do SPTV, a âncora Michelle Barros se mostrou inconformada com a situação: “Inadmissível. O celular só foi devolvido depois que a assessoria de imprensa da CPTM entrou em contato com os responsáveis pela estação Perus”, explicou na manhã desta terça (6).

“Isso não tem nada a ver com o modelo de atendimento ou de relacionamento que a CPTM pratica. Nós estamos apurando essa ocorrência, os empregados já foram afastados de suas funções até que a gente possa concluir esse processo e adotar a medida disciplinar que cabe para uma situação como essa que foi relatada”, explicou Sérgio de Carvalho, gerente de relacionamento da companhia — clique aqui para assistir ao momento.

Dê sua opinião: E você, o que achou do episódio relatado pelo SPTV? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook!

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Edições da VejaSP liberadas no App Veja de maneira imediata

a partir de R$ 12,90/mês