Imagem Blog

Pop! Pop! Pop!

Por Blog
Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais
Continua após publicidade

Documentário sobre torturados na ditadura vence Festival É Tudo Verdade

Os Arrependidos, dirigido por Ricardo Calil e Armando Antenore, levou o prêmio de melhor filme brasileiro

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
18 abr 2021, 18h38

O documentário Os Arrependidos, de Ricardo Calil e Armando Antenore, foi o grande vencedor da competição de longas-metragens brasileiros do festival É Tudo Verdade, referência do gênero no país. Os prêmios foram entregues neste domingo (18) durante uma cerimônia on-line. As informações foram divulgadas pela Folha.

Este é o segundo ano em que o vencedor retrata a resistência contra a ditadura militar brasileira. No ano passado, o vencedor do festival foi Libelu, sobre o grupo contra regime militar que ajudou na retomada do movimento estudantil nos anos 1970.

O ganhador deste ano apresenta a história pouco documentada dos processos de mea-culpa de militantes da luta armada no início dos anos 1970, período mais violento da ditadura militar no país.

+Assine a Vejinha a partir de 8,90

A história revela como alguns dos presos políticos cederam a pressões internas e externas e optaram pela autocrítica. O filme também radiografa o esquema de tortura e coação que levou essas pessoas a fazerem confissões públicas.

Continua após a publicidade

A menção honrosa de melhor longa nacional foi para Máquina do Desejo – 60 anos de Teatro Oficina, de Lucas Weglinski e Joaquim Castro, que celebra o teatro paulistano comandado por Zé Celso.

Na competição internacional, o vencedor foi Presidente, de Camilla Nielsson. A produção dá luz ao jovem e carismático líder Nelson Chamisa, no Zimbábue, que enfrenta nas eleições a velha guarda de Emmerson Mnangagwa e mostra como os partidos interpretaram os princípios democráticos, depois do país ser comandado por décadas de ditadura. Nesta categoria, a menção honrosa foi para Vicenta, documentário feito a partir de animação de bonecos e produzido por Darío Doria.

+Assine a Vejinha a partir de 8,90

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.