Imagem Blog

Filmes e Séries - Por Barbara Demerov Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Aqui você encontra críticas, entrevistas e as principais novidades sobre o mundo do cinema e do streaming
Continua após publicidade

‘Sorria’: traumas e terror se fundem em história sinistra

Longa, que está em cartaz nos cinemas, narra maldição macabra e possui narrativa envolvente

Por Barbara Demerov
30 set 2022, 06h00

✪✪✪ Sorria, estreia da semana nos cinemas, já é capaz de assustar só pelo trailer. E o resultado completo não decepciona: o título lançado apenas um mês antes do Dia das Bruxas é aterrorizante do início ao fim.

+Ana de Armas dá show em ‘Blonde’, mas visão machista predomina

Na trama, conhecemos Rose Cotter (Sosie Bacon, de Mare of Easttown), médica dedicada que vê sua vida tomar um rumo inesperado após uma nova paciente afirmar que está sob o domínio de uma entidade perigosa. A jovem alega que vê rostos de pessoas sorrindo bizarramente — e considera esse um prenúncio de que está correndo perigo, pois não são sorrisos amigáveis. Ela acaba morrendo sob os cuidados de Rose.

A partir desse trauma e de informações estranhas, a protagonista investiga o caso e percebe que não foi um acontecimento isolado: parece ser uma rede de maldição, que passa de pessoa a pessoa. E ela pode ter se tornado um alvo.

Continua após a publicidade

O terror possui uma excelente construção, com boa atuação de Sosie e trabalhos satisfatórios de direção, fotografia e trilha sonora. Quando falamos de sustos e da elevação do horror, os elementos técnicos contam (e muito) para atrair o espectador e fazer com que a atenção se volte 100% à tela. É o caso de Sorria.

Tudo é elaborado com capricho e o suspense nunca sai do tom. Os sustos também são ótimos. No entanto, o terço final do longa de Parker Finn acaba cedendo a velhos clichês do gênero (não cabe narrá-los aqui, para evitar spoilers), que, lamentavelmente, encerram a narrativa de forma um tanto desinteressante.

+Assine a Vejinha a partir de 9,90. 

Continua após a publicidade

Publicado em VEJA São Paulo de 5 de setembro de 2022, edição nº 2809

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.