Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Barbara Demerov Filmes e Séries - Por Barbara Demerov

Dois + Dois: comédia traz à tona tabu da troca entre casais

Em entrevista à Vejinha, a atriz Carol Castro afirma que a história do filme ajuda a explicitar situações pouco discutidas

Por Barbara Demerov Atualizado em 12 ago 2021, 23h57 - Publicado em 13 ago 2021, 06h00

A comédia Dois + Dois, dirigida por Marcelo Saback, entretém e também traz à tona um assunto que ainda pode ser tabu na sociedade. Afinal, relacionamentos abertos com trocas de casais (o suingue) existem, porém tal prática não é tão comentada de forma ampla. Mas a temática do filme, que está em cartaz nos cinemas, envolve todo esse universo.

Na trama, o casal formado por Emília (Carol Castro) e Diogo (Marcelo Serrado) tenta esquentar a relação após dezesseis anos juntos e aceita um convite dos amigos Bettina (Roberta Rodrigues) e Ricardo (Marcelo Laham): o quarteto passa a praticar o “intercâmbio de casais” até o momento em que Emília mergulha profundamente em seus sentimentos.

À Vejinha, Carol Castro afirma que a história do filme abre a cortina para uma situação velada, mas que existe: “Há muitas amarras que estão caindo por terra e que as novas gerações de 20 e poucos anos já não têm mais. É algo realmente geracional, porque atualmente a liberdade é mais comum para os jovens. Se você não faz suingue — que, inclusive, é o meu caso — ou não aderiu ao amor plural, tudo bem! O filme está aí justamente para trazer reflexão sobre certos preconceitos. Afinal, amor é amor”.

Para a atriz, o fato de Emília e Bettina serem as personagens que impulsionam os conflitos da trama torna a produção mais interessante. “Acho ótimo que temos o protagonismo feminino em destaque, mas Dois + Dois também mostra a transformação de cada um, incluindo de um casamento que está meio ‘falido’, dentro da óptica da troca de casais. E é complexo porque não dá para ter controle. Estamos falando de sentimentos, e cada ser humano é um universo.”

+Assine a Vejinha a partir de 8,90.

Publicado em VEJA São Paulo de 18 de agosto de 2021, edição nº 2751

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Edições da VejaSP liberadas no App Veja de maneira imediata

a partir de R$ 12,90/mês