Continua após publicidade

Vítimas morrem 3x mais em acidentes com omissão de socorro

Dados de levantamento do Detran usam mortes registradas entre janeiro e setembro de 2020

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
12 nov 2020, 18h49

O Detran-SP divulgou nesta quinta-feira (12) um levantamento sobre acidentes de trânsito em que há fuga do motorista após a batida. Segundo os dados, quando o autor não presta socorro a chance de morte dos feridos aumenta três vezes.

O órgão utilizou a plataforma do Infosiga SP, do governo do estado, para a obtenção dos números. Entre janeiro e setembro deste ano, 4 152 acidentes em São Paulo registraram fuga do motorista após a batida: 331 pessoas morreram dentro destes casos.

Para cada 18,9 acidentes com fuga do condutor em vias urbanas, uma pessoa vem a óbito. Em colisões sem a fuga do condutor, há 57,8 acidentes para cada morte. O que indica que para casos com fuga, há 3,1 mais incidência de óbitos. A situação é semelhante nas rodovias. A relação passa de 12,3 para 3,6 acidentes por óbito quando há fuga do condutor, índice 3,4 vezes maior.

Perfil dos acidentes com fuga de condutor (Detran SP/Divulgação)
Meios de transporte utilizados pelas vítimas de acidentes com fuga do condutor (Detran SP/Divulgação)

85% dos casos com abandono do local ocorreram em vias urbanas e 64% foram no período noturno. 47% das vítimas fatais foram pedestres e outros 32% estavam de motocicleta.

“Cada minuto conta. Acionar imediatamente o serviço de socorro é primordial para o devido atendimento médico. Em geral, a estimativa é de que a chance de sobrevivência cai em 10% a cada hora”, disse a professora do Departamento de Ortopedia e Traumatologia da Faculdade de Medicina da USP, Júlia Greve.

A fuga do local do acidente é considerada uma infração passível de multa e de até seis meses de detenção. Caso haja feridos, pode se configurar omissão de socorro, com possibilidade de detenção elevada para um ano.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.