Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

A vila operária do início do século XX escondida no Bom Retiro

Casas foram construídas para abrigar funcionários de uma fábrica de bebidas

Por Mauricio Xavier [Colaborou Vinicius Tamamoto] Atualizado em 1 jun 2017, 15h52 - Publicado em 28 out 2016, 23h00

Em meio ao agitado comércio do Bom Retiro, poucos percebem um pequeno portal localizado na fachada de um sobrado na Rua da Graça, 381. Quem se esgueira por ali encontra uma vila construída no início do século passado pelo empresário italiano Michele Anastasi, morto em 1937. Ele projetou as casas para abrigar os empregados de sua fábrica de licor e xarope, na Rua dos Italianos.

+ São Paulo tem cratera gigantesca aberta há milhões de anos

“Até a década de 80 ainda havia ex-funcionários por ali. Depois, chegaram outros tipos de comércio informal”, conta sua neta, Vandir Anastasi Castilhos. Atualmente, boa parte das residências funciona como oficina de costura.

Vila Michele Anastasi
Vila Michele Anastasi
Publicidade