Clique e assine por apenas 5,90/mês

Temporal com granizo causa destruição em Sorocaba

Houve quedas de árvores e alagamentos; cerca de 9 000 domicílios ficaram sem energia e muitos semáforos apagaram

Por Estadão Conteúdo - 1 fev 2017, 08h44

Um temporal com granizo e raios causou destruição nas regiões norte e oeste de Sorocaba, no início da noite desta terça-feira (31). Houve quedas de árvores e muitos alagamentos. Cerca de 9 000 domicílios estavam sem energia e muitos semáforos apagaram. Na Vila Nova Esperança, casas foram parcialmente destelhadas. Carros ficaram ilhados em ruas alagadas e casas foram invadidas pelas águas nos bairros Jardim Marli, Pinheiros e Jardim Abaeté.

O Rio Sorocaba transbordou e interditou avenidas na região do Parque das Águas. No Jardim Montreal, uma árvore caiu sobre uma casa e um carro, mas ninguém ficou ferido. Em Lopes de Oliveira, uma casa caiu e um morador ficou ferido, sem gravidade. Até a noite, a chuva continuava e não havia levantamento completo dos danos.

 

 

Em Itu, o temporal fez um córrego transbordar e dezenas de carros foram tomados pelas águas na Avenida Marginal. Uma concessionária de veículos e várias lojas estavam alagadas. Em Jundiaí, a tempestade alagou o bairro Jardim Sorocabana – 14 casas foram atingidas e os moradores foram atendidos pelo serviço de assistência social do município.

Raio

Um motociclista morreu, após ser atingido por um raio, no início da noite de segunda-feira (30), na rodovia D. Pedro I, em Atibaia região de Campinas. Ele caiu no canteiro central após ser atingido pela descarga elétrica, foi socorrido, mas não resistiu. O corpo do homem, de 31 anos, foi levado para o Instituto Médico Legal de Bragança Paulista.

Continua após a publicidade
Publicidade