Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Prefeitura de SP fecha academia na Mooca duas vezes no mesmo dia

Acqua Academia foi penalizada na última sexta-feira (9) à tarde, mas insistiu em reabrir na mesma noite

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 10 abr 2021, 17h17 - Publicado em 10 abr 2021, 17h14

A Comitê de Blitze autuou o mesmo local duas vezes na última sexta-feira (9): a Acqua – A Academia da Mooca, no bairro da Mooca, Zona Leste da capital paulista.

Na parte da tarde, o estabelecimento havia sido multado pela Prefeitura de São Paulo. Mesmo assim, o espaço voltou a receber clientes na mesma noite, sendo novamente penalizado.

Neste sábado (10), por volta de 11h, um casal de alunos chegou ao local, sem saber das ações da véspera, mas desta vez não puderam entrar. Uma fita preta e amarela mostrava que a passagem estava interditada pela prefeitura.

O excesso de carros parados nas imediações da academia – uma das maiores do bairro – na Rua Camé, assim como o vai e vem de alunos e professores nas últimas semanas, não deixavam dúvidas de que a academia não parou de funcionar desde que a fase vermelha entrou em vigor, em março. Para disfarçar, as portas permaneciam fechadas, mas eram abertas assim que cada pessoa apertava a campainha.

  •  

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade