Jovem que se diz ex-namorada de Eduardo Bolsonaro o denuncia

Patrícia Lélis se envolveu em outra polêmica no passado, quando acusou o deputado Marco Feliciano de tentativa de estupro

A jornalista Patrícia Lélis, de 23 anos, ex-militante do Partido Social Cristão (PSC), divulgou em suas redes sociais nesta terça (18) as imagens de um boletim de ocorrência que diz ter feito na Delegacia da Mulher do Distrito Federal contra o deputado federal Eduardo Bolsonaro, da mesma sigla, por ameaças.

No post, a jovem que alega ser ex-namorada de Bolsonaro afirma que as ameaças a motivaram a sair de Brasília por medo. “Ocorreram desde injúrias pelas redes, ameaças e até perseguições pessoais em minha academia e local de estudo, que colocaram não só minha integridade física em risco, mas que me levaram a sair de Brasília por uns dias”, escreveu.

O embate entre os dois teria começado no dia 11, quando Patrícia alegou ter sido provocada pelo político nas redes sociais, dando a entender que a moça havia saído com outro homem, usando roupa provocante. Contou ainda que havia tido um relacionamento abusivo com o deputado. Logo depois, o parlamentar postou um vídeo desmentindo a versão da jovem, afirmando que nunca teve um relacionamento com ela. “Nunca namorei, beijei, nem segurei a mão dessa pessoa”, garantiu.

Procurado por VEJA SÃO PAULO o deputado, por meio de funcionários de seu gabinete, não quis comentar a denúncia.

Caso Feliciano

Em 2016, Patricia Lélis se envolveu em outra polêmica. Denunciou o pastor Marco Feliciano por tentativa de estupro. Após o caso, no entanto, a jornalista se tornou investigada por calúnia, ao acusar o assessor do parlamentar, Talma Bauer, de sequestro e ameaças.

A polícia suspeitou que o caso envolvendo Bauer foi uma invenção de Patrícia, que passou de vítima à investigada. De acordo com o site G1, um laudo atestou que a moça é mitomaníaca, ou seja, tem um transtorno que a faz mentir compulsivamente.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s