Clique e assine por apenas 5,90/mês

Circo Garcia, o mais longevo do Brasil

Fundado em Campinas no ano de 1928, atividades foram encerradas em 2002

Por Mauricio Xavier [com reportagem de Flora Monteiro e Nathalia Zaccaro] - Atualizado em 5 dez 2016, 17h17 - Publicado em 31 mar 2012, 00h50

Cerca de cinquenta palhaços se apresentaram na última terça (27) nas escadarias do Teatro Municipal em comemoração ao Dia do Circo. Símbolo dessa atividade no Brasil, o Circo Garcia montou sua tenda em diversos endereços da capital, como a Praça Princesa Isabel, no centro.

+ O que fazer em São Paulo no fim de semana

+ Páscoa sem cair na mesmice

+ O melhor da semana para as crianças

Fundado em Campinas (a 99 quilômetros de São Paulo) em 1928, foi o mais longevo do país, encerrando suas atividades em 2002, após enfrentar uma crise financeira. Seu idealizador, o paulistano Antolin Garcia, morto em 1987, exercia no picadeiro as funções de ator, mágico e domador. Nos anos 40, ele começou a investir em números de animais, como leões e chimpanzés. Esses últimos eram tratados como gente: tomavam mamadeira e até usavam fraldas.

Continua após a publicidade
Publicidade