Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Justiça veta apresentadores mirins em programa do SBT

Decisão proíbe a participação de Matheus e Ana Julia no <em>Bom Dia e Cia</em>. A diretora Silvia Abravanel comanda a atração nesta quarta (15)

Por Veja São Paulo Atualizado em 28 dez 2016, 11h31 - Publicado em 15 jul 2015, 10h46

A Justiça de São Paulo proibiu Matheus Ueta, de 11 anos, e Ana Júlia, de 9, de apresentarem, nesta quarta (15), o programa infantil Bom Dia & Cia, no SBT. A decisão ocorreu nesta terça-feira (14) pelo juiz Flavio Bretas Soares, do Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo.

Há meses, tramita no Juízo Auxiliar da Infância e Juventude um pedido de renovação do alvará de autorização de trabalho para as duas crianças. No despacho desta semana, a autoridade pediu a readequação de horário do programa. Bom Dia & Cia vai ao ar das 9h às 13h30 de segunda a sexta. Começa ao vivo, mas, segundo o SBT, Matheus e Ana gravam a parte final da atração e saem da emissora por volta das 11h. Almoçam em casa e, em seguida, vão para a escola por volta das 13h.

Silvia Abravanel

Silvia Abravanel

Os advogados do SBT reúnem os documentos para provar que a jornada de trabalho das duas crianças não impede nem atrapalha a vida escolar dos dois. A previsão é que a proibição seja revertida até sexta (17).

Por enquanto, Silvia Abravanel, diretora da atração e filha de Silvio Santos, assumiu o comando do programa. Na terça à noite, ela postou mensagem em seu perfil no Facebook informando aos fãs que o programa seria apresentado nesta quarta-feira (15) por ela. “Meus amores boa noite … Tenho uma notícia pra dar pra vcs … Amanhã quem estará apresentando o @bomdiaecia sou eu, devido a um impedimento da justiça com nossos pequeninos Matheus e Ana Júlia…. Más tenho certeza que logo essa situação se resolverá e eles estarão de volta … Que os anjos estejam comigo e claro VOCÊS também… Até amanhã as 9:00!! Bjsss”

Nesta semana, o mesmo juiz também proibiu a participação dos atores Matheus Braga, de 13 anos, e Kalebe Figueiredo, de 10 anos, na peça Memórias de um Gigolô, dirigida por Miguel Falabella. Segundo a decisão, a montagem, ambientada em um cabaré, imprópria para a idade dos garotos.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês