Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Grupo promove arrastão a carros e aterroriza centro de São Paulo

Veículos que estavam em congestionamento chegaram a ter os vidros quebrados

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 8 dez 2020, 19h14 - Publicado em 8 dez 2020, 17h27

Um grupo de pessoas fez um arrastão para roubar vários carros na região da Cracolândia, no centro de São Paulo, nesta terça-feira (8), após uma “ação de limpeza”. Vídeos gravados por moradores da Alameda Nothmann mostram o momento dos ataques. Carros chegaram a ter os vidros quebrados.

Assustados, alguns motoristas subiram nas calçadas para escapar do grupo. Muitos estavam presos no congestionamento do trecho. A Polícia Militar disse que viaturas foram acionadas após usuários de drogas da região sofrerem uma “agitação espontânea”.

Moradores dizem que bombas foram usadas durante ação na Cracolândia, o que pode ter motivado o arrastão e o ataque aos carros. A PM diz que a situação neste momento está controlada.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública diz que plano de contingência foi acionado e que após a chegada da PM a situação foi controlada.

“A Polícia Militar foi acionada na tarde desta terça-feira (8) para conter um tumulto iniciado por usuários de drogas na região da Nova Luz, após a ação de limpeza realizada por agentes da subprefeitura local e acompanhamento da GCM. Imediatamente foi acionado o plano de contingência e tropas da Força Tática, Baep, Cavalaria e do patrulhamento de área reforçaram o policiamento no local. Após a chegada da PM, a situação foi controlada e a ordem foi restabelecida. No momento, o policiamento segue reforçado na região.”

Continua após a publicidade

Publicidade