Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Homem que jogou gás de pimenta em prédio nos Jardins é preso e liberado em seguida

Caso aconteceu na tarde da segunda (10); quatro pessoas passaram mal

Por Redação VEJA São Paulo 11 ago 2020, 11h04

Um homem que jogou gás de pimenta por baixo da porta de um apartamento por se incomodar com o barulho de obras foi preso na segunda-feira (10) e liberado logo em seguida. O caso aconteceu nos Jardins, em São Paulo. Quatro operários passaram mal e foram socorridos no local.

Após assinar um termo, o homem foi liberado. O delegado considerou que os crimes imputados são classificados como de menor potencial ofensivo, como lesão corporal, porte de droga (maconha foi encontrada no apartamento) e periclitação da vida e da saúde.

De acordo com vizinhos e funcionários, o homem que fez o ataque tem histórico de desavenças no condomínio. A ocorrência foi registrada no 78º DP, na rua Estados Unidos. Todas as vítimas receberam alta médica.

Entenda o caso

O Corpo de Bombeiros foi acionado para atender a ocorrência por volta das 16h45 na rua José Maria Lisboa, altura do número 1000, junto com a Polícia Militar de São Paulo. De acordo com a corporação, o homem teria se irritado com o barulho das obras de um apartamento e lançado o produto que atingiu funcionários da obra e empregados do condomínio.

“Teve gente vomitando sangue. A pessoa está sendo atendida pelo médico, fazendo procedimento protocolar para os casos. Teve contato com o produto, estava nessas condições, mas está atendido. Foi pro pronto-socorro do Incor (Instituto do Coração). Foi bem e conversando”, afirmou o Major Palumbo, do Corpo de Bombeiros, ao “Brasil Urgente”, da Band.

Continua após a publicidade
Publicidade