Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Fundador da Anhembi Morumbi, Gabriel Rodrigues morre aos 88 anos

Ele criou o primeiro curso superior de turismo do país

Por Redação VEJA São Paulo 11 jan 2021, 19h55

Gabriel Mário Rodrigues faleceu no último sábado (9). Aos 88 anos, o professor universitário lutava contra o câncer nas vias biliares e morreu em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo.

Rodrigues fundou a Faculdade Anhembi Morumbi em 1971 e foi reitor da mesma até 2013, quando a instituição já era uma universidade. O primeiro curso da faculdade, turismo, foi criado por ele nos anos 70, sendo o primeiro do tipo no Brasil.

Ele também foi presidente do Sindicado das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior no Estado de São Paulo (Semesp) entre 1993 e 2004. De acordo com comunicado do sindicato, Rodrigues morreu por volta das 23h do sábado. O sepultamento ocorreu no domingo (10), no cemitério Horto da Paz, em Itapecerica.

“O professor Gabriel percebeu com clareza os espaços a serem ocupados e utilizou-se da lógica empresarias para tormar mais profissionais as gestões das instituições de ensino superior”, disse o Semesp sobre Rodrigues. “Certamente a ABMES perdeu um grande mentor, conselheiro e amigo. Porém, guardaremos e levaremos em todas as nossas ações seus ensinamentos, ideias e ousadia”, disse em nota a Associação Brasileira de Mantenedoras do Ensino Superior, a ABMES.

O docente deixa três bisnetos, oito netos, três filhas e a esposa.

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade