Clique e assine por apenas 6,90/mês

Eduardo Tuma é reeleito presidente da Câmara Municipal de São Paulo

Como a capital não tem vice-prefeito, quando Bruno Covas se ausenta é ele quem assume

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 15 dez 2019, 13h20 - Publicado em 15 dez 2019, 13h19

Atual presidente da Câmara Municipal, Eduardo Tuma (PSDB), primeiro na linha sucessória da cidade – como a capital não tem vice-prefeito, quando Bruno Covas se ausenta é ele quem assume – foi reeleito para o cargo neste domingo (15).  Ele foi o único parlamentar a apresentar candidatura e recebeu 48 votos na eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de São Paulo. 

“A intenção para 2020 é o fortalecimento do Legislativo Paulistano, no auxílio à construção da cidade de São Paulo”, declarou Tuma no discurso de agradecimento.“Quero agradecer às vereadoras, aos vereadores, aos partidos. A não indicação de outro candidato mostra que os trabalhos desta Casa estão sendo realizados com sinergia. Contem comigo novamente, para servir ainda mais aos paulistanos e à cidade”, disse o presidente da Casa.

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade