Clique e assine por apenas 6,90/mês

Crianças são baleadas em escola em Suzano, na Grande São Paulo

Nos primeiros relatos, dois homens encapuzados entraram atirando no local

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 13 mar 2019, 12h10 - Publicado em 13 mar 2019, 10h18

Seis pessoas foram assassinadas por dois homens dentro de uma escola estadual em  Suzano, na Grande São Paulo, informou a Polícia Militar. Duas pessoas eram funcionários e as outras, estudantes da instituição. Na manhã desta quarta-feira (13), dois homens encapuzados atiraram contra os alunos na Escola Estadual Professor Raul Brasil por volta das 9h30 desta manhã. Eles se suicidaram no local. 

A escola oferece ensino fundamental e médio e um centro de estudos de língua. Foram acionadas seis unidades de resgate dos Corpo de Bombeiros, três do Samu, dois de suporte avançado e dois helicópteros águia.

Reprodução/Redes Sociais/Veja SP

Informações da equipe médica no local são de que há dezessete pessoas feridas – não se sabe quantas seriam crianças.

Forma encontrados, pela polícia, arco e flecha e garrafas que aparentavam ser coquetel molotov. Também foi localizada uma mala com fios. Por isso, o esquadrão antibombas também foi acionado. A instituição foi isolada.

Continua após a publicidade

O governador João Doria se pronunciou por meio de seu perfil no Twitter. Na manhã desta quarta-feira (13), ele cancelou a sua agenda e foi para o local.

 

Publicidade