Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

10. Circo de Teatro Tubinho faz piadas das antigas

Em cidades menores os artistas se tornam amigos dos espectadores

Por Dirceu Alves Jr. e Giovana Romani Atualizado em 5 dez 2016, 18h56 - Publicado em 11 mar 2010, 19h56

Já ouviu falar em circo-teatro? Gênero comum no início do século passado, era apresentado por famílias circenses país afora. Uma companhia curitibana, o Circo Teatro Irmãos Garcia, sobreviveu até 1978 sob a tutela de Juve Garcia, o palhaço Tubinho. Renasceu em 2001, com o nome Circo de Teatro Tubinho. Após grande sucesso no sul do Brasil e no interior paulista, monta sua lona pela primeira vez na capital. “Em cidades menores, acabamos ficando amigos dos espectadores, que vão repetidas vezes aos nossos espetáculos”, diz Pereira França Neto, o atual Tubinho, sobrinho-neto de Juve Garcia. Nada de picadeiro, malabaristas e mágicos. A equipe de 35 artistas — na maioria parentes — tem na ponta da língua 96 peças, mas abusa do improviso. Nas comédias, o palhaço Tubinho é o personagem central. Aviso aos pais: alguns textos são repletos de piadas de duplo sentido. Se quiser levar as crianças, fique atento à classificação etária dos espetáculos.

Publicidade