Continua após publicidade

Memória paulistana: Belas Artes e Pinacoteca já dividiram prédio

Entidade assumiu o acervo do museu em 1932, ano da morte de seu fundador

Por Mauricio Xavier [Com reportagem de Arnaldo Lorençato, Catarina Cicarelli e Isabella Villalba]
Atualizado em 5 dez 2016, 18h15 - Publicado em 5 mar 2011, 00h50

A Academia de Belas Artes foi inaugurada há 85 anos, em 23 de setembro de 1925, e sua primeira sede foi na Rua Bento Freitas, no centro. Em 1932, ano da morte de seu fundador, Pedro Augusto Gomes Cardim, a entidade adotou o nome de Escola de Belas Artes e assumiu o acervo da Pinacoteca: a partir de 1944, as duas instituições dividiram o prédio na Praça da Luz. A foto, desse período, registra uma exposição com trabalhos produzidos por alunos do curso de pintura durante o ano de 1955. Em 1979, foi rebatizada de Faculdade de Belas Artes e, em 1989, a escola ganhou seu endereço atual, na Vila Mariana. Só em 2002 passou a se chamar Centro Universitário Belas Artes de São Paulo.

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.