Clique e assine por apenas 6,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade.

Sergio K. se arrepende e diz nunca mais fazer camisetas políticas

Camisetas de apoio a Aécio Neves viraram meme na internet

Por João Batista Jr. - Atualizado em 12 Nov 2018, 18h12 - Publicado em 18 May 2017, 13h52

Grande puxador de votos de Aécio Neves, Sergio K. viu seu nome ser lembrado após a divulgação nesta quarta (17) das notícias de recebimento de propina por parte do senador tucano. A associação se dá porque o estilista lançou duas camisetas de apoio ao político mineiro.

Nas eleições de 2014, vendeu uma peça com a a frase “Uai We Can”. Em 2015, com as investigações da Lava-Jato em curso e com manifestações pedindo o impeachment da então presidente Dilma Rousseff, lançou um novo modelo – desta vez com a o dizer “A Culpa Não É Minha – Eu Votei no Aécio”.

A peça foi usada por uma série de celebridades como Ronaldo Fenômeno e Wanessa Camargo, que subiram em carros de som durante os atos. Fotos e memes dos artistas vestindo roupa estão sendo publicadas neste momento em que Neves está com risco de ir para a cadeia. O próprio Aécio Neves entrou em contato com Sergio K. pedindo camisetas antes e depois das eleições.

Ronaldo, amigo de Aécio, usando peça de Sergio K.: imagem virou meme Reprodução/Veja SP

A coluna encontrou Sergio K. há duas semanas, no jantar na casa de uma amiga dele nos Jardins, quando tinha retornado de uma viagem à Portugal. “Nunca mais farei camisetas de cunho político”, disse. Aos amigos, ele se mostra arrependido de ter apoiado Neves, agora investigado por denúncias graves de corrupção. Envolveu sua marca e nome em um assunto que poderia ter ignorado. Procurado nesta quinta (18), o estilista não quis se pronunciar.

Continua após a publicidade

As camisetas foram vendidas por 99 reais. À época, elas esgotaram das lojas físicas e on-line. Em fevereiro de 2015, ele deu a seguinte entrevista para a coluna.

A última camiseta política de Sergio K., vendida em 2016, anunciava apoio a ao juiz Sérgio Moro. “In Moro We Trust” foi usado pela mulher do juiz, Claudia Moro.

Publicidade