Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

Proprietários reclamam de vandalismo em prédios em Pinheiros com áreas livres na entrada

Possibilidade de construir muro foi levantada, mas moradores não querem, pois descaracteriza a fachada

Por Humberto Abdo Atualizado em 29 jan 2021, 03h12 - Publicado em 29 jan 2021, 03h10

Atos de vandalismo em Pinheiros têm preocupado moradores de pelo menos dois condomínios com áreas livres na entrada. “São crianças, aparentemente de rua, que invadem os espelhos de água e ironizam os seguranças, e algumas pessoas que frequentam as baladas próximas que já chegaram a jogar garrafas de cerveja. No Pátio Pinheiros, presenciei crianças invadindo o jardim e a água. Pisaram na terra, sujaram a entrada e o café Sterna, no térreo, afugentando os clientes”, conta Alexsander Andrade, proprietário de apartamento no Arte Arquitetura. “O prédio está refém da situação, pois não pode sequer retirar as crianças, com receio de ser processado por tocar em menores de idade.”

Retrato de Alexsander Andrade, proprietário de um dos prédios do Arte Arquitetura, em Pinheiros.
Alexsander Andrade, proprietário de um dos apartamentos do Arte Arquitetura, em Pinheiros. Arquivo Pessoal/Reprodução

De acordo com o síndico Nelson Nicolau Junior, o Conselho Tutelar nunca atendeu às denúncias feitas sobre o caso. Em nota, a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania diz ter apurado a reclamação após o contato da Vejinha e afirma que não recebeu a denúncia. Em reunião com os condôminos, Nelson citou a possibilidade de levantar muros. “Os moradores não querem, pois descaracteriza a fachada e o propósito do design. Onde moro, no Brooklyn, o meu edifício tem dezessete anos e faz quinze que fechamos a frente com estruturas de vidro… Resolvemos o problema.”

 

Publicado em VEJA São Paulo de 3 de fevereiro de 2021, edição nº 2723.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

Continua após a publicidade
Publicidade