Clique e assine por apenas 6,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade.

Jorge Saba Domingos é preso por não pagar pensão

Ele não quitou cerca de 180 000 reais referentes à pensão alimentícia de suas três filhas com a juíza Maria Domitila Manssur

Por Ana Carolina Soares - Atualizado em 11 Jan 2019, 06h01 - Publicado em 11 Jan 2019, 06h00

Em 20 de dezembro, o empresário Jorge Saba Domingos foi preso por decisão da 1ª Vara da Família de Pinheiros. Ele não quitou cerca de seis meses de pensão alimentícia de suas três filhas do casamento com a juíza Maria Domitila Manssur, uma dívida de aproximadamente 180 000 reais. Jorginho, como é conhecido, deverá permanecer detido pelo menos até o domingo (20). Segundo amigos do ex-casal, apesar do “calote”, ele mantinha uma rotina de bon vivant. Conhecidos do empresário afirmam que sua empresa, a Multicorp Seguros, foi duramente afetada pela crise e ele pagava perto de 25% da pensão. “Todas as nossas alegações estão nos autos, e as que foram transmitidas por quem está dando publicidade não condizem com a realidade”, argumenta Clarissa Bernardo, advogada dele. Maria Domitila não quis falar com a reportagem.

Publicidade